24 outubro, 2011

E se... ?

Sempre comentam que eu e Marido viajamos muito. Eu nem acho que é tanto assim, mas deixa pra lá. A questão é: qual seria a vantagem de viver na Europa e não aproveitar essa mobilidade e acesso que ela oferece?

Nenhuma.

E no Brasil poderia ser igual. Como poderia... !

... se houvesse vôos baratos como há por aqui
... se tivesse linhas ferroviárias que atravessassem o país inteiro
... se as estradas fossem realmente boas
... se as cidades oferecessem infra-estrutura para receber turistas
... se permitisse que eles se locomovessem para onde quisessem, mesmo sem saber uma palavra de português
... se junto com a infra-estrutura o turista tivesse segurança para se aventurar...

Eu sei, são muitos “ses”. Mas SE fosse verdade, seria tão bom.

3 comentários:

xexedir disse...

Bem,o Brasil ainda precisa percorrer um looongo caminho até alcançarmos tal mobilidade. Até lá, aproveitemos a Europa...

Diogo C. Scooby disse...

Com relação aos itens 1,3,4 e 5 eu discordo ao menos parcialmente, há regiões onde isso não é necessariamente verdade (Tanto cá quanto lá eu diria).

Agora quanto a péssima malha ferroviária daqui e a violência não tem nem como se discutir a maneira como as coisas vão de mal a pior aqui no Brasil. Inúmeros projetos faraônicos e dados camuflados sobre a violência, sem falar da injustiça que é a justiça desse país.

Mas as festas são boas e as praias lindas!

Kelli disse...

Oi, scooby.
Os voos baratos estão começando a voltar para aí agora. Primeiro veio com a Gol e agora com a Azul. A questão é ver se elas se mantem como low cost mesmo.

E estradas boas só tem no eixo Rio-São Paulo. Do Espírito Santo pra cima é uma buracada só. E eu falo com conhecimento de causa. Anos indo para Bahia de ônibus.

Daí junta tudo com o fator segurança e pronto... os turistas só vão nos lugares que os agentes de turismo levam e a gente sabe que nem sempre são os melhores lugares...