20 maio, 2008

Cirque du Soleil

Semana passada fomos ao Cirque du Soleil. O espetáculo que apresentam aqui chama-se Quidam. Comparado com Saltimbancos, que vi no Brasil em 2006, achei a história um tanto triste e com menos colorido. Mas que fique claro que isso não compromete em nada o show de disciplina, superação e equilíbrio que dão a cada movimento.

No dia, eu estava particularmente indisposta e sem muita vontade de sair de casa devido a um resfriado, meu corpo inteiro doía. A temperatura também não estava lá muito convidativa, 16 graus, fora o vento.

Bem... os ingressos já estavam comprados então lá fomos nós. De cara, a mesma lona azul e amarela, os sorrisos contagiantes nos rostos dos que prestavam serviço, então o show começou logo com três menininhas, com no máximo seis anos a mais velha, dando um show de malabaris. No meio, a menor errou e, quando todos pensavam que elas passariam para o próximo número, repetiram e ela acertou. Foi tão emocionante. Meus olhos se encheram dágua.

Depois disso, nem me lembrava mais da gripe e comecei a comparar as estruturas brasileira e portuguesa.

No Brasil, me lembro que comprei os ingressos em Maio para assistir em Outubro. À época, Marido e eu tínhamos carteirinha de estudante e pagamos algo em torno de trezentos reais para ficar na terceira opção lugar, indo do mega vip ao com visão comprometida. Este ano, cogitamos assistir Alegria, mas desistimos quando vimos que duas poltronas no mesmo lugar ficaria perto dos quinhentos reais.

Aqui, o ingresso mais barato custa 25 euros, ao passo que no Brasil custa 130 reais. Nós compramos os nossos numa segunda-feira para ver o espetáculo na quarta seguinte, pagamos cento e poucos euros no valor inteiro das entradas e ficamos num lugar melhor que no Brasil.

É chover no molhado e dizer o que todos sempre dizem, mas ao fim do show só pude concluir que o acesso à cultura, no Brasil, ainda é bem restrito.

2 comentários:

Lu Aith disse...

Legal!
Que diferença heim!
Não sabia que vc ainda atualizava aqui, vou favoritar aqui e acompanhar, aos poucos eu vou lendo o que perdi...
Bjs

Lisi disse...

Ai que legal. Eu tinha vontade de ver, mas por esses preços, acho q nao.