14 março, 2012

E pela minha lei, a gente era obrigado a ser feliz

Um mundo de coisas acontecendo ao mesmo tempo.
Coisas tão boas. E tão grandes.
Queria que o tempo parasse.
Ou que pelo menos andasse mais devagar.
Só um pouquinho.
Para curtir o momento.
Como se fosse bala de doce de leite derretendo na boca.
Não rola.
A vida atropela. 
Não espera nada. 
Mas dá as opções:
Viva ou Assista.
Eu tô vivendo.

=)

2 comentários:

Por Inteiro disse...

Nossa, como eu te entendo... o jeito é aproveitar, cada vez mais!!!

Aleksander disse...

Muito legal seu blog...
To seguindo já, segue o meu?
http://www.passaahora.blogspot.com.br/

Brigadooo